quarta-feira, julho 14, 2010

O Amor é importante, porra!

As gentes acordam.
Pensam que não vão morrer nunca.
E nem a dormir, sonham.
As pessoas acordam.
Limpam as ramelas.
Sentem que muito provavelmente vão morrer.
E quando estão distraídos, sonham.
Os seres humanos acordam.
Espreguiçam-se até estalar os ossos.
Sabem que se calhar até é hoje que morrem.
Esboçam um sorriso.
E amam.

3 comentários:

Mαğΐα disse...

O Amor...
Quem ama morre um pouco todos os dias seja de amor ou quiçá de saudade!

Morrer de amores é das melhores mortes que a vida nos dá.
Morrer de desejo e de orgasmos também. [Ui Ui...]

:P

Ok, eu sei, que também se morre de saudade, mas que se f*** essa morte. Morrer de saudade é o preço a pagar pela vida que as mortes de amor, desejo e orgasmos nos dão...

:P

É por isso que eu me faço á vida antes que a vida se faça a mim... para me deixar ir morrendo pela estrada fora... sempre a morrer, a sorrir e ás vezes também a chorar!

lampâda mervelha disse...

Estar ao lado de alguém e sentir... agora sim, poderia morrer.


Morrer bem é difícil. Nada impossível. Apenas difícil.

Alguém+ neste mar de gente, disse...

raio da cachopa, se escreve coisas com sentido... :) adoro a fé, a alma e o sangue com que escreves as coisas! é caso para dizer: foda-se, que me estalam as entranhas de te ler! continua, eu gosto*