segunda-feira, agosto 24, 2009

Contorno[s] de 'inlucidez'


Contorno os meus dedos pela tela da memória.
Na eventualidade de numa qualquer madrugada,
aparecer a tua mão sob a minha cintura.
E assim esgueirar-me por todas as fragmentações do meu caos.
Alimenta-me.

3 comentários:

Mαğΐα disse...

Estranhex, andas cá com umas conversas que vai lá vai, fico sem palavras para te deixar... por isso digo-te apenas que:









































































... e já disse... não acrescento mai nadex!

£åßi®iñtø disse...

Bela música ^^
Esse senhor caos...





Um enorme sorriso dos lado de cá....

OLHAR VAGABUNDO disse...

alimenta-te!

e gostas?

beijo vagabundo