terça-feira, outubro 10, 2006

idem idem aspas aspas 1

[Fotografia by Catarina Krug in olhares.com]
Tenho para mim que há lugares onde o idem impera.
E depois olhares onde as aspas se ausentam.
E por outra gestos onde as reticências imperam.

28 comentários:

little_blue_sheep disse...

...lindo...

Maçã de Junho disse...

O idem pode, de facto, ser uma bengala que ajuda a ultrapassar lugares difíceis... as aspas a dar outro sentido ao nosso olhar, e as reticências.... a repensar os nossos gestos!
Coloca um ponto de exclamação! Esse pode ajudar a sorrir!

Bons pontos e exclamação!

.*.Magia.*. disse...

Idem Idem
Aspas Aspas
Reticências

Tenho em mim que há lugares onde os gestos são olhares

E agora vou embora...
não sei mais o que escrever!

Depois volto. ok?

Teresa David disse...

Gostei muito de ler estas palavras, bem imaginado e concreto.
Bjs
TD

Bela disse...

Tenho para mim que há lugares, olhares e gestos que imperam...quer tenham aspas, reticências ou idems.
1 abraço :)

Giorgia disse...

gostei! :)obrigaste-me a refletir um bocadinho!!

beijokas

Louco de Lisboa disse...

"O amor e a literatura coincidem na procura apaixonada, quase sempre desesperada, da comunicação!"

(isto foi um desabafo do Jorge Duran)

Deve ter sido o fundador dos Duran Duran!!!

Kiss, até outro instante!

Cris disse...

Gosto dos pontos finais. Não gosto de reticências, as aspas são farpas e o idem, como diz a Maçã, é uma bengala.

Gosto de parágrafos. Novos capitulos na nossa vida. E Gostei muito do teu texto!

Bjo
C.

Ivo disse...

Ok.... Está Bonito!!

MAs... gosto particularmente do ponto de exclamação!! :))

Francieli Rebelatto disse...

Símbolos apenas, será (ponto de interrogação). Falariam eles por vós (vírgula) creio eu (ponto de exclamação). Beijos (reticências)

as velas ardem ate ao fim disse...

Sempre belissimo e com a importancia de nos fazer pensar, reflectir...

Lembraste disto que escrevi ...

A vírgula é uma pausa curta sem grande importância,que pode ser esquecidacomo uma folha levada pelo vento.

Já os pontos de interrogação vasculham o ser das coisas,como se isso fosse possível...

Reticências é uma forma de ocultar o que não se quer dizer ou não se sabe...

O ponto de exclamação é a experiência , o sabermos tudo dizendo-o convictamente...

O ponto final ,pertence a uma categoria de sinais que está além do tempo e além da vida.

Sou uma vírgula ...

(http://velasardemsempreateaofim.blogspot.com/2006_09_01_velasardemsempreateaofim_archive.html
Diz me tas numa fase de )reticencias???

sem-comentarios disse...

Eu gosto imenso do "jogo de palavras" que tu fazes.
É de uma originalidade brutal :)

bj*

Tiago disse...

simplesmente reticencias sem passar pelas aspas e pelo idem.

bjs e boa semana
Tiago

Marina disse...

So lamento que as reticencias imperem nos gestos.
Se conseguissemos que os nossos gestos chegassem ao fim, sem reticencias, sem abrandamentos, sem paragens, talvez ficassem menos coisas por dizer...

APC disse...

IDEM...

;-)

Estive a tecer alguns comentários finais aos comentários que os meus recentes posts mereceram, e tive que te vir visitar, com o duplo objectivo de te agradecer a presença - recente mas tão distinta - e de ganhar um pouco mais lendo o que escreves.
Tenho andado num sufoco temporal, mas está decidido que um dia hei-de percorrer este teu blog de pernas para o ar - o que não deve ser fácil, mas...:-|

Um beijinho! :-)))

PS - Lembro-me dessa passagem da Professora Isabel Leal, que tens aí de ladecos. Eu mesma guardo, no meu blog, uma colecção de 6 temas por ela abordados como ninguém. Tive o grato prazer de ser sua aluna! :-)

prozina disse...

ainda não tenho cadeiras, mas já me apetece receber visitas

Estranha pessoa esta disse...

Breve intervalo para espaço publicitário:

http://paraladomiocardio.blogspot.com/

Para lá do Miocárdio
Porque uma imagem antes de chegar à retina passa pela aorta

≈♥ Nadir ♥≈ disse...

Tenho para mim que o idem se repete por entre aspas da "vida"
beijos

Isabel disse...

E há lugares onde há gestos que são olhares para dentro de nós.
Há lugares onde os olhares são gestos e tocam, batem,esfaqueiam e acariciam tambem.
Há olhares que são gestos sem lugares.
Há olhares sobre lugares sem gestos.
E há gestos ausentes de olhar e sem lugar.
Há gestos com lugar sobre um olhar.

Adoro os trodilhos de palavras e a busca de novos sentidos para as mesmas.
Adoro brincar e jogar com as palavras e apontuação...
Cada brincadeira cada joga revela mais um pouco da riqueza da escrita que eu amo.
Não é tambem assim a vida?
Um imenso trocadilho!

Gostei muito deste teu post.

Beijos

Isabel

Ausente em comentários, presença assidua nas leituras. disse...

De passagem, para concordar com os teus idens, aspas e reticências.

Será necessário dizer que mais uma vez está aqui um belo jogo de palavras em mais um excelente post?! Tu ja sabes que é a minha opinião. :)

Beijinho

Cat

TMara disse...

curioso e intepelativo este teu texto.
Obrigada.
Luz e paz em teu caminhar e ao teu redor.
Bjs.

TMara disse...

GRALHA: Leia-se -interpelativo

Pierrot disse...

Fantástico jogo de palavras...que não de sentimentos porque esses me parecem nobres q.b.
Amei a frase...
Bjos daqui
Eugénio

EMN disse...

Idem "" ...

Gostei, beijos grandes

emn***

cusca disse...

As aspas ficaram muito bem com o idem !

Beijo

melena disse...

talvez as reticências

há muito que fica sempre por dizer

weg disse...

Gostei: olhares de aspaspas ausentes.

Boa.

:)

Até já.

weg disse...

aspas*