sexta-feira, março 28, 2008

Conjugação do verbo plofar. Presente do indicativo.


Hoje perguntaram-me se acreditava em almas gémeas.
Almas gémeas. Requer serem iguais.
Não. Nisso não acredito.
Acredito sim, no encaixe.
Creio mais nos pólos contrários.
Nos complementos.
Contrários mas, que se encaixam.
Que faz aquele Plof.
Retiro o que disse.
Retiro os contrários. E coloco apenas o encaixe.
Sim. É isso.
Definitivamente, é o encaixe.
Podem vir com aquela conversa da própria conversa.
Que dois seres humanos para serem as ditas ‘almas gémeas’ têm que conversar e só aí dão por isso que ah e tal.
Discursos.
Tem que haver aquele encontrão inicial.
Sem a típica busca de encontrar justificações para o desejo.
Como se o desejo precisasse de justificações.
“É pah mas, ele nem faz o meu ‘tipo’, nem tão pouco tem o meu modo de pensar..”
Tretas.
..
Aquela procura de olhares.
Aquele jogo de sedução.
Do gato e do rato.
Puxa para aqui, vai para ali.
É delicioso.
Não me venham com tretas, porque é realmente delicioso.
Plof. O encaixe.
Não estou a falar de sexo, orgasmos me(n)tidos e desmentidos.
Falo mesmo daquele plof de corpos.
Daquele perfeito encaixe. Que não sobra uma única brecha para correntes de ar.
Duas peças.
Um só puzzle.
Ou faz Plof ou não faz.
E sobre este assunto é o que eu tenho a dizer.

Eu plofo
Tu plofas
Ele Plofa
Nós plofamos
Vós plofais
Eles plofam.

12 comentários:

Cão vai á uva disse...

O que tu queres sei eu.. plock!
A nivel constituicional todo o barulho no seu ponto.. plof ou block! requere o seu sentido da palavra de varias e diferentes maneiras EX: "WET and DRY" ... JÁ VENH...

Anónimo disse...

A menina já arrebitou? Plofe à vontade e muito, sem dúvida que é um renovar de todo o nosso sentir....
pipidebico.wordpress

José Miguel Gomes disse...

Dois puzzles, uma só peça ;)

Fica bem,
Miguel

Charlotte disse...

Ora finalmente que encontro uma rapariga que pensa como eu em relação a este assunto. O que mais ouço por aí são meninas a querer encontrar "justificações para o desejo", por questões práticas.

Ora porque já estão "na idade", ora porque precisam de companhia "estável", ora porque o despertador biológico não pára de apitar. A verdade, também, é que cada um é feliz à sua maneira e quanto a isso não há nada a dizer.

Uma última coisa: escreves muito bem e demonstras grande maturidade nas reflexões que fazes. Gostei de por aqui passar.

Charlotte disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Charlotte disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
lampâda mervelha disse...

È, acontece quando as pessoas se permitem moldar um pouco. Aquela linha ali, mais aquele ponto acolá... para que seja plof!!

É mesmo, plof!

A outra, eu! disse...

Oi estranha!Concordo contigo a 1000%. E porque te adoro espero k um dia tu tambem possas plofar em pleno pq minha querida amiga é das melhores coisas k a vida nos proporciona! Para grande infelicidade a minha sei exactamente qual é a outra peça,sei onde a encontar e mais sei k escaixa perfeitamente, mas como a vida nem sempre é justa, por mais proximos k estejamos jamais poderemos formar um puzzle. Por isso te peço nao deixes k separem o teu puzzle...para k daqui a uns anos nao tenhas esta tristeza no olhar...
Eu ja nao poderei plofar mas tu sim por iiso se faz favor plofa, plofa, plofa e nunca deixes de plofar!!!

Anónimo disse...

Hoje plofei imenso!
Só você para nos dar dessas ideias!
Mais, mais, maissssssssssssssss
pipidebico.wordpress

melgadoporto disse...

Ainda num dia deste falava sobre este “sentir” de que aqui falas.
E concordo plenamente contigo.
Não é algo que se procure.
Muito menos que se vá “procurando”
Aparece e ficamos atónitos – “plof…”
Um encaixe supremo de pressupostos opostos.
Só assim acredito!
O resto é balela e mal contada.
:-)

alguém+ neste mar de gente disse...

o problema é haver demasiadas correntes de ar entre as pessoas... difícil haver esse "plof"

Mrs Pink disse...

já não é a primeira vez que venho espreitar aqui o teu "canto". tenho adorado todos os textos, e este é, sem dúvida, o que descreve o que tenho vindo tentar provar a uma pessoa...

nuncan antes senti isto, ou tive necessidade disso... realmente almas gémeas é treta! esse plof... esse plof é tudo...

eu plofo ... ele não sei se consegue ver o que é plofar!

beiju*