sexta-feira, maio 18, 2007

Páscoa sem Quaresma

Eu não quero existir sem soluçar
Não me queiram impingir sensaborias
Vender-me ao desbarato por qualquer ninharia
Crucificarem-me pela minha hemorragia cerebral
Vendarem-me por não me sentar no lugar destinado
Não tirei essa senha
Esses pregos não são os meus.
Um soluço meu vale mais que isso!
Vale um punhado de qualquer coisa
Que ainda está por definir.


17 comentários:

Sandokan disse...

Eu sou o GUERREIRO LUZ , porque sonho. Sem sonhos, as pedras do caminho tornam-se montanhas, os pequenos problemas são insuperáveis, as perdas são insuportáveis, as decepções transformam-se em golpes fatais e os desafios em fonte de medo.

Liberta a tua criatividade e acredita, também, no GUERREIRO LOBO. Tu és uma pérola única no TEATRO DA VIDA.

Não vivo de pesadelos. Tenho sonhos como qualquer ser humano que procura a luz que nos guia. A vida envia-nos muitos sinais, basta estar atento e procurá-los à nossa volta.São muitos e enviados das mais diversas maneiras. Por isso sou um GUERREIRO LOBO que, mantendo a calma, sabe esperar e nunca ter medo.

Abri há pouco a janela
do meu quarto minguado,
entrou o vento
soprando forte
trazendo uma trova
e uma canção
com um refrão tão triste
que diz
que nunca mais te encontrarei.

Parti como um louco,
gemendo e chorando
e à tua porta bati.
Apareceste-me
bela e singela
com a tua leve candura
na face tinhas a lágrima da
desventura.

Soltei um grito de pânico,
que atravessou o oceano
e num rochedo fez eco
levado pelos anjos
que partiram para sempre.

Grito agudo e
lancinante
que transporto sempre no peito
deixando amargas liras
e a saudade de te ver.
Perdi-te meu AMOR.

Meus amigos e amigas: Aceitai o medo como que ele faça parte integrante das nossas vidas. Aceitai-o, mas não tenhais receio de AMAR. Aceitai especialmente o medo da mudança, mas saibamos caminhar sempre em frente apesar do bater do nosso coração nos lançar um grito lancinante como que a dizer: VOLTA PARA TRÁS!
As trevas da noite caem, mas a manhã volta de novo ainda mais brilhante.
Manteremos viva a nossa ESPERANÇA.

Com especial carinho para ti, dedico este meu poema.

Sou um GUERREIRO LOBO que habita as paragens das caçadas eternas do bosque da felicidade, o "nosso" :

http://lusoprosecontras.blogspot.com

Vinde até ele ouvir a minha história. É uma história de um Povo, e o Povo é simples como eu.

Deixo-te aqui, neste teu cantinho maravilhoso, um grande abraço de Amizade.

SANDOKAN

Branca disse...

Agora reconheço-te...
Voltaste!

Bom, passei por cá para desejar um bom fim-de-semana!
Beijinhos :)

Brain disse...

Olá Estranha!

Vim por dois motivos:

1º O de sempre: para te ler;
2º Para te dizer que aceito o teu desafio. Hoje não, mas em breve. Notificar-te-ei quando estiver.

Beijo e um bom fds.

PS: Conforme deves depreender, para mim, viver sem sentir, também não faz sentido!

.*.Magia.*. disse...

Quando
o
pensar
se
sobrepõe
ao
sentir
passas
a
ser
mártir
de
ti
mesmo...
É nessas alturas que um trespasse (com aval do rei) cai sempre bem...

Vou buscar um 'saca pregos' que é como quem diz... vou buscar um 'saca rolhas'...

Esses pregos também não são meus!

adnil disse...

oi!!!!!!!!!!!!!!!

EMN disse...

Tem que se viver ao sabor do saber de cada um. Com condimento ou não. Mas viver.

Beijo

emn***

Bruno Tavares disse...

Adiamento
Depois de amanhã, sim, só depois de amanhã…
Levarei amanhã a pensar em depois de amanhã,
E assim será possível; mas hoje não…
Não, hoje nada; hoje não posso.
A persistência confusa da minha subjetividade objetiva,
O sono da minha vida real, intercalado,
O cansaço antecipado e infinito,
Um cansaço de mundos para apanhar um elétrico…
Esta espécie de alma…
Só depois de amanhã…
Hoje quero preparar-me,
Quero preparar-rne para pensar amanhã no dia seguinte…
Ele é que é decisivo.
Tenho já o plano traçado; mas não, hoje não traço planos…
Amanhã é o dia dos planos.
Amanhã sentar-me-ei à secretária para conquistar o rnundo;
Mas só conquistarei o mundo depois de amanhã…
Tenho vontade de chorar,
Tenho vontade de chorar muito de repente, de dentro…

Não, não queiram saber mais nada, é segredo, não digo.
Só depois de amanhã…
Quando era criança o circo de domingo divertia-rne toda a semana.
Hoje só me diverte o circo de domingo de toda a semana da minha infância…
Depois de amanhã serei outro,
A minha vida triunfar-se-á,
Todas as minhas qualidades reais de inteligente, lido e prático
Serão convocadas por um edital…
Mas por um edital de amanhã…
Hoje quero dormir, redigirei amanhã…
Por hoje, qual é o espetáculo que me repetiria a infância?
Mesmo para eu comprar os bilhetes amanhã,
Que depois de amanhã é que está bem o espetáculo…
Antes, não…
Depois de amanhã terei a pose pública que amanhã estudarei.
Depois de amanhã serei finalmente o que hoje não posso nunca ser.
Só depois de amanhã…
Tenho sono como o frio de um cão vadio.
Tenho muito sono.
Amanhã te direi as palavras, ou depois de amanhã…
Sim, talvez só depois de amanhã…

O porvir…
Sim, o porvir…

Álvaro de Campos

Anónimo disse...

Olá,

Conheci o teu blog ontem e deixei-te um e-mail com o título de um filme de Monty Python (não confundir com spam!)

Beijo.

Putty Cat disse...

Ora aí está.
Nem mais nem menos.

bom fds

mac disse...

Por vezes querem limitar-nos a existência, mas não há muros para a conter...

Herbívora disse...

Um soluço teu vale vários punhados de várias coisas, valiosas é claro...

P.S. Ouviste a Prova hoje?! É q eu não tive tempo e não soube quem é que ganhou os bilhetes, se dé-se passavas lá pela fúria só pra dizer se eu ganhei alguma coisa?

Luis Eme disse...

Vale sim senhor...

as tuas palavras são tudo o que está definido e continua por definir...

saudosista do futuro disse...

defines-te requintada.


(...)




à força da palavra tudo.


3

2

1

«««action»»»

APC disse...

PARAGEM NESTA LINHA SOFREDORA-DEPRESSIVA-ENRAIVECIDA!!!

A menina foi estigmatizada?
Pois agora foi memetizada também, tenho a informá-la!

É passar lá pela minha clínica, que a terapia já lhe foi aviada.

E não resista!
Quero vê-la a ensinar-nos!!! :-)

Um estranho abraço para si.

Thiago Forrest Gump disse...

Estranha, fiquei mudo!

Thiago Forrest Gump disse...

Estranha, fiquei mudo!

Ela disse...

"Que ainda está por definir"

__________

100 rótulos.
Sem rótulos.

és mais. De mais.



________

Beijo