sábado, maio 06, 2006

Questão pertinente

Hoje perguntaram-me:
Como é que eu sabia ou sentia, que alguém era importante para mim?
Respondi:
Quando sinto saudades.
Perguntaram:
Saudades como?
Respondi:
Simplesmente... saudades!
Perguntaram:
Mas que saudades?
Respondi:
De estares bem aqui ou ali mas... de repente, passares a não estares bem aqui ou ali... porque simplesmente tens saudades!

6 comentários:

Tjusto (isto ha coisas, hein) disse...

Saudade é uma espécie de lembrança nostálgica, lembrança carinhosa de um bem especial que está ausente acompanhado de um desejo de revê-lo ou possui-lo. Uma única palavra para designar todas as nuanças desse sentimento é quase exclusividade do vocabulário da língua portuguesa. A palavra vem do latim "solitas, solitatis" (solidão), na forma arcaica de "soedade, soidade e suidade" e sob influência de "saúde" e "saudar". No fado e na música popular, a saudade e a partida são temas constantes


Retirado de um dicionario de lingua portuguesa....

Estranha pessoa esta disse...

A maior parte das realidade/vivências disto a que tendem chamar de vida, não se explicam nos dicionários e enciclopédias.

Mas, obrigado pela definição. ;)

P.S.: Não creio que saudade esteja em paralelismo com solidão.
Uma coisa não tem necessariamente que invalidar a outra.

Tjusto (isto ha coisas, hein) disse...

Sim, concordo com tudo o que dizes cara, estranha pessoa esta, tambem não concordo com o parelelismo com solidão, mas acho que e nos momentos de solidão que mais bate a saudade. Se calhar estamos mais predisposto a recordar, sendo que a recordação por vezes faz-nos sentir saudade de algo...
Esta é a minha opinião sincera, não penso que estejão dependentes uma da outra, porém, penso que a solidão desencadeia o processo de saudade de uma forma mais rapida, se é que isso existe....

Estranha pessoa esta disse...

Solidão?
Afinal o que é isso da solidão?
Para mim pode ser uma 'coisa'.
Para si caro tjusto outa.
Para aquele senhor ali da esquina outra totalmente diferente.

Podemos estar numa esplanada rodeados de amigos e conhecidos e estar em profundo estado de comunhão com a ... solidão.

E por outra, podemos estar simplesmente sozinhos no meio de não sei o quê, e não sentirmos solidão.

O que é isso da solidão afinal?

Bruno Tavares disse...

Viva,

"O que é a solidão?"
Boa questão...

Só encontro resposta válida na essencia da questão...

Para mim solidão é quando me sinto só.

Note-se que não tenho que estar fisicamente só ou tão pouco psicologicamente. Simplesmente me sinto só.

Tenho escrito.

Cordialmente,
Bruno Tavares

Bruno Tavares disse...

Viva,

Só mais um comment sem estar directamente relacionado com este tópico.

"Quem sou eu? Raio de pergunta. Sei lá quem sou! .... Alguém que pensa o que sente, e sente o que pensa. Confusões. É isso."

Eu a isto respondo com versos de Alvaro Campos "A tabacaria":

"Não sou nada.
Nunca serei nada.
Não posso querer ser nada.
À parte isso, tenho em mim todos os sonhos do mundo."

Aconcelho vivamente a leitura deste poema que é sem sombra de dúvidas o meu poema de coração.

Cordialmente,
Bruno Tavares